Conhecendo e ajudando pessoas: A trajetória de um renomado médico cirurgião


“Sempre que há dificuldades, a vida abre uma porta de forma inesperada”. Essa frase foi dita pelo Dr. Gláucio Pires Carneiro, médico cirurgião especialista em cirurgia geral e cirurgia videolaparoscópica, que sentiu isso na sua própria vida. Aluno de escolas públicas, sua primeira opção para a futura profissão não foi a medicina e sim a odontologia, curso também muito disputado nos vestibulares em todo o Brasil. Mas, quando apresentado à algumas aulas que tratavam de assuntos da medicina dentro da odontologia, se encantou e despertou o desejo de atuar como médico. De família simples, o pai se assustou quando ficou sabendo que o filho trocaria de curso. Depois do primeiro impacto, aceitou, apoiou e comemorou junto cada obstáculo enfrentado. A primeira dificuldade foi encarar o vestibular. Na época era oferecido apenas 20 vagas por ano para novos alunos, a maioria estudantes de colégios particulares e de boa estrutura para se dedicar aos estudos. Dr. Gláucio teve que se esforçar mais do que a maioria para atingir seus objetivos. Em paralelo ao vestibular, prestou concurso para o Tribunal de Justiça e passou. “Foi ótimo, conheci pessoas muito boas, sempre fui cercado por pessoas muito boas. O tribunal foi isso. Me colocou junto com pessoas que queriam me ajudar e foi muito bom”, conta. Estudava em tempo integral compensando seu trabalho em horários alternativos. Tinha o apoio dos pais, dos amigos, e se sustentou financeiramente durante toda a faculdade. Se formou em medicina pela Universidade Federal de Roraima, sendo o primeiro médico de sua família trazendo muito orgulho aos pais. A escolha pela área cirúrgica foi mais fácil.


“Sempre me identifiquei. Gosto da parte mais dinâmica da cirurgia e não só de consultório. Sempre admirei muito os bons cirurgiões”, diz. Também atua como cirurgião no Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Após terminar sua residência, não precisou de muito tempo para começar a trabalhar. Em apenas 2 dias, já estava no quadro de cirurgiões do Hospital Geral de Roraima. “Apesar das dificuldades, é um bom lugar pra trabalhar”, conta. Desde então atende no hospital e sente prazer em atuar no sistema público. Gosta dos pacientes e de acolhê-los diante de suas necessidades. No Hospital Geral de Roraima, teve a oportunidade de atender, além de toda a população do Estado, imigrantes venezuelanos, da Guiana e parte da população de Manaus. Isso porque a fila cirúrgica era mais ágil há alguns anos atrás. Casado e pai de dois meninos, quer expandir seu atendimento. Hoje atua no Cecor clínica multiespecializada que atende vários convênios, localizado na Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes próximo ao Hospital Geral de Roraima. A clínica também oferece tratamentos diversos como a quimioterapia. Seu objetivo é ampliar o atendimento no setor privado, que é bem tímido no Estado, sem deixar os pacientes do setor público, já que a clínica Cecor também atende pelo SUS. A necessidade de bons médicos no mundo todo vem aumentando à medida que a população também cresce. Roraima conta com um profissional capacitado, dedicado ao que faz, empenhado no atendimento de qualidade e decidido a agregar cada vez mais conhecimento e experiência para satisfazer seus pacientes. Em um momento tão delicado da vida de qualquer um, que é a necessidade de ser operado, é bom saber que se pode contar com " profissionais assim.

" profissionais assim. Gosto da parte mais dinâmica da cirurgia e não só de consultório. Sempre admirei muito os bons cirurgiões”


CECOR cirurgiarr.com.br Av. Brigadeiro Eduardo Gomes, 3497 Mecejana - Boa Vista-RR (95) 3224-4712 / 3224-6385 (95) 99140-4547 @glauciodr @glauciocarneirodr

0 visualização

© 2017 REVISTA NOSSA CIDADE. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Alameda Roentgen 7D - 1ª andar, Escritório 7 - Telheiras, Lisboa, Portugal

lisboa@revistanossacidade.pt / rnc.lisboa@gmail.com

  • Facebook Basic Black
  • Instagram Basic Black
  • Preto Ícone YouTube